Transporte

Lime: patinetes elétricas para partilhar

16 de outubro de 2018

O conceito de sharing em Lisboa deu certo. Carros, motos, bicicletas e agora patinetes (isso mesmo, patinetes) elétricas podem ser utilizadas para deslocamento na cidade. A Lime é um modelo de negócio que começou em 2017 na Califórnia, em Silicon Valley, e que já atingiu 11,5 milhões de viagens por todo o mundo.

O modelo disponível nas ruas de Lisboa anda a uma velocidade máxima de 25 km/h. Ao contrário das Giras, bicicletas já disponíveis em Lisboa, a Lime não tem estações: os veículos serão colocados todas as manhãs em 90 locais diferentes.

Lime em Lisboa. Patinetes em Lisboa. Transporte. Como usar as patinetes da Lime?

Foto: O Inverso de Cabral

Como funciona:

O funcionamento não difere das demais formas de partilha (DriveNow, Emove e Gira -veja os posts que fizemos sobre eles aqui e aqui). As patinetes elétricas podem ser desbloqueadas através do aplicativo da Lime (disponível para iOS e Android), digitalizando o QR Code presente em cada Lime-S.
Uma viagem tem o custo de 1€ para desbloquear e 0,15€ por minuto de utilização. A idade mínima para conduzir é de 18 anos e as patinetes podem ser utilizadas todos os dias entre as 9 e as 21 horas. Após as 21 horas, a empresa as recolhe para recarga e manutenção durante a noite. Elas podem ser estacionadas em qualquer local que não comprometa a mobilidade urbana.